(61) 9161-2873

(61) 3965-3333

contato@ccddf.com.br

Entenda a importância do Junho Vermelho e da doação de sangue

Entenda a importância do Junho Vermelho e da doação de sangue

Assim como acontece em outubro o Outubro Rosa (mês de conscientização e informação sobre o câncer de mama, e em Setembro, o Setembro Verde (que informa e alerta sobre o câncer de intestino), em junho acontece o Junho Vermelho, que existe para alertar e informar sobre a doação de sangue, que é um gesto simples e rápido, mas capaz de mudar a vida de muitas pessoas.

Criamos o conteúdo de hoje com objetivo de te ajudar a entender mais sobre este mês, mas frisamos que independente do período, sua doação de sangue é essencial.
Prossiga com a leitura do conteúdo e saiba mais!

A campanha Junho Vermelho

Junho é um período de temperaturas baixas. Em função disso, as infecções respiratórias e alguns outros tipos de doenças acabam sendo bem comuns e diminuem, consequentemente, os estoques de sangue dos bancos de sangue – públicos e privados. Por isso, o mês para a conscientização da doação de sangue é Junho, com o objetivo de ajudar a aumentar estes estoques de sangue. 

De acordo com uma pesquisa realizada em 2017 pela Eu Dou Sangue em parceria com o Instituto Datafolha, cerca de 92% do brasileiros disseram não ter doado sangue no último ano. A pesquisa também mostrou que no clima mais frio, com o tempo chuvoso ou em feriados, os dados são ainda piores e os estoques de sangue apresentam uma queda de 30%.

No dia 14 deste mês (conforme divulgamos nas nossas redes sociais) aconteceu o “Dia Mundial do Doador de Sangue”, que marca também a relevância desta data ao redor do mundo.

No Brasil, são coletadas hoje cerca de 3,7 milhões de bolsas por ano. Pode parecer um número alto, mas corresponde ao índice de 1,8%. Nos Estados Unidos e em alguns países da Europa, esse percentual é de 5% a 7%. O objetivo do Ministério da Saúde é igualar os dados com, e se possível superar, os Estados Unidos e a Europa.

Requisitos para a doação de sangue

Para poder realizar a doação de sangue é fundamental prestar atenção nos requisitos:

    • Ter entre 16 e 69 anos de idade. Pessoas acima de 60 anos só podem doar se já tiverem doado sangue pelo menos 1 vez antes dessa idade;
    • Estar em boas condições de saúde;
    • Pesar no mínimo 50kg;
    • Estar descansado – ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;
    • Não ter feito uma tatuagem nos últimos 6 meses;
    • Apresentar documento original com foto que permita o reconhecimento na hora de realizar o cadastro para a doação.

Vale ressaltar que menores de 18 anos precisam estar acompanhados de pais ou responsáveis para realizar a doação.

O CCD e o apoio a causa

Junho está chegando ao fim, mas a campanha deve continuar durante todo o ano. Por isso, deixamos claro que o CCD apoia e incentiva este gesto de amor ao próximo.
Converse com seus amigos e familiares e faça a doação de sangue. Acreditamos que juntos podemos construir um mundo muito melhor.

E para acompanhar outros conteúdos relevantes como este, basta continuar seguindo o Blog do CCD. Até o próximo conteúdo.