(61) 98114 2227

(61) 3965-3333

contato@ccddf.com.br

Por que prestar atenção no funcionamento do seu intestino?

Por que prestar atenção no funcionamento do seu intestino?

O bom funcionamento do intestino vai muito além de apenas ir ao banheiro todos os dias ou até três vezes por semana. Na grande maioria dos casos, o mau funcionamento do intestino reflete uma alimentação inadequada, pobre em líquidos e alimentos que contêm fibras, como as verduras e legumes crus, cereais e frutas, e rica em massas, pães brancos, açúcar refinado e alimentos processados. Para um adequado funcionamento do intestino, que inclui não somente a frequência de ida ao banheiro, bem como a consistência e formato das fezes, tempo que se leva para evacuar, necessidade de esforço para expelir as fezes, presença de sangue nas fezes, entre outros, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda a ingestão de cerca de 2 a 2,5L de líquido por dia (incluindo água, sucos, chás ou água de coco), além de 25 a 30g de fibras por dia. Porém, de acordo com Simone Silvestre, membro da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran), esses limites podem variar. “Se uma pessoa ingere 2.000 kcal/dia, deverá consumir 28 g de fibras no mesmo período. Se for um homem que come 2.500 kcal, a quantidade sobe para 35 g”. Nos EUA, como no Brasil, o consumo desses alimentos é baixo. Lá, dados da American Dietetic Association mostram que os americanos comem apenas 11 g de fibras por dia. Aqui, cerca de 15g/ dia. Além de regularem o funcionamento intestinal, as fibras diminuem a absorção de gorduras e açúcar.

 Portanto, uma ligeira mudança de hábitos seria o bastante para garantir um melhor funcionamento do intestino e consequentemente proteger contra patologias graves como o diabetes do tipo 2, doenças cardíacas e respiratórias, além de ajudar no controle da pressão sanguínea e dos níveis de colesterol, sem falar do auxílio extra na manutenção do peso ideal, todos benefícios da ingesta rica em fibras.