(61) 9161-2873

(61) 3965-3333

contato@ccddf.com.br

Metas para 2019: a importância de ter um acompanhamento médico durante o ano inteiro

Metas para 2019: a importância de ter um acompanhamento médico durante o ano inteiro

2019 acabou de começar e muita gente acaba criando metas para o ano. Praticar atividades físicas, comer melhor, economizar dinheiro… Essas costumam ser as principais metas elaboradas. Mas uma meta que não pode ser deixada de lado e que pode garantir que você tenha um ano muito mais tranquilo e sem problemas de saúde, é ter um acompanhamento médico durante o ano inteiro. Procurar por profissionais de diversas áreas pode evitar problemas sérios e até mesmo auxiliar no diagnóstico precoce, tão importante para a cura de diversas doenças.

Por isso, acompanhe o nosso conteúdo de hoje e entenda mais sobre a importância desse acompanhamento para a sua vida em 2019! Boa leitura.

A importância do acompanhamento médico e dos exames de rotina

A atenção com a saúde deve ser um hábito cultivado sempre, uma vez que auxilia nas condições físicas e mentais da pessoa.

É uma questão que deve estar presente em todas as fases da vida. Para uma criança, por exemplo, o acompanhamento pode auxiliar no crescimento saudável, evitar doenças comuns na infância, garantir o peso ideal para a criança, etc.

Em um adulto o acompanhamento deve ser realizado de maneira completa, ou seja, ele deve procurar por profissionais de diversas áreas  

para garantir saúde. É importante realizar exames e consultas com o gastroenterologista, coloproctologista, cardiologista, clínico geral, entre outros. Pode parecer uma tarefa difícil e onerosa, mas é indispensável para evitar situações piores no futuro, uma vez que grande parte das doenças têm cura através de um diagnóstico precoce e/ou prevenção.

E o que é o check-up médico?

Apesar de ser um tema bastante comum, ainda existem pessoas que não entendem como acontece e a sua relevância para a saúde.

De modo geral, o check-up é uma avaliação associada a alguns exames laboratoriais e clínicos, que tendem a observar o gênero, idade, histórico individual e também familiar de doenças, além de:

  • Auxiliar no acompanhamento e prevenção de determinadas doenças, incluindo dieta equilibrada, importância de atividades físicas, combate à obesidade, tabagismo e outros vícios, diagnóstico de doenças de forma precoce, etc;
  • Facilitar o diagnóstico de doenças existentes que ainda não manifestaram no paciente, como a hipertensão, diabetes, colesterol alto e até mesmo patologias mais graves, como câncer, que muitas vezes demora a apresentar sintomas e só pode ser descoberto através de rastreamento.

O que deve ser evitado para garantir um bom acompanhamento médico?

É indispensável citar nesse conteúdo outra “meta” que você deve ter em 2019, que pode parecer um hábito simples e ingênuo, mas que pode aumentar os problemas de saúde e causar uma série de complicações. Estamos falando da automedicação – que você deve extinguir da sua vida -.

É muito comum que as pessoas ao invés de buscarem por especialistas tomem remédios por conta própria, busquem receitas de internet e indicação de terceiros.

Esse hábito pode ser considerado gravíssimo, uma vez que ele pode mascarar os sintomas de patologias graves. Um exemplo bem comum é a dor de cabeça. Grande parte das pessoas não sabem o motivo do problema e mascaram com remédios, só que a causa pode ser doenças sérias, ter origem hormonal, ter relação com a alimentação, com as vistas… E o que deveria ser medicado com remédios e tratamentos específicos para o problema, acaba sendo negligenciado e, muitas vezes, se torna uma questão mais difícil de tratar no futuro.

Outro grande exemplo são os remédios para estômago. Azia constante e dor abdominal são sintomas, muitas vezes, negligenciados. As pessoas acabam tomando remédios sem prescrição, e bactérias, refluxo, gastrite e até questões mais graves, como úlcera, podem ter o tratamento comprometido por conta desse hábito.

Desta forma, evite a automedicação e sempre informe ao seu médico qualquer mudança na sua saúde, incluindo os sintomas corriqueiros, que em hipótese alguma devem ser ignorados.
Vale ressaltar novamente que a medicina preventiva é muito mais eficaz do que buscar apenas a emergência médica. Com a prevenção a vida pode ser muito mais tranquila e longe de doenças e com bem-estar.

Se o conteúdo foi útil para você, compartilhe nas suas redes sociais para informar amigos e familiares. E para garantir um 2019 com muito mais saúde, você pode agendar sua consulta no CCD e ter uma vida longe de uma série de problemas.
Até o próximo conteúdo.