(61) 98114-2227

(61) 3965-3333

contato@ccddf.com.br

O que a flatulência em excesso pode significar? Acompanhe

O que a flatulência em excesso pode significar? Acompanhe

Como você já sabe, a presença de gases no intestino humano é completamente normal. Habitualmente, são encontrados no trato gastrointestinal cerca de 200ml de gases, que contêm dióxido de carbono, oxigênio, metano, entre outros. Só é considerado um problema quando esses gases surgem em excesso. Nestes casos, pode significar uma série de problemas, como você vai acompanhar ao longo desse conteúdo.
Prossiga com a leitura e saiba mais.

Os gases intestinais

Os gases intestinais podem causar uma série de incômodos no portador, já que provocam a distensão abdominal. Podem, em certos casos, trazer também constrangimento social, uma vez que o portador pode não conseguir ‘segurar’ os gases em público – o que pode acontecer em função de algumas doenças também. -.

Eles são consequência do ar engolido ou de gases formados diretamente no aparelho digestivo. Podem ser expelidos por via anal (que são os flatos) ou por via oral (através do arroto). 

E o que pode significar a flatulência em excesso?

Como informamos, normalmente não é um problema, pelo contrário. A presença de gases é considerada comum. É considerado um problema quando eles estão em excesso, o que pode significar uma série de problemas, incluindo questões graves de saúde. Dentre eles estão:

– Intolerâncias alimentares;
– Dieta rica em açúcares;
digestão;
Doença celíaca;
– Gastroenterite aguda;
– Parasitoses, especialmente a giardíase que pode provocar a dificuldade de absorção alimentar;
Doenças inflamatórias intestinais;
– Síndrome do intestino irritável;
– Neoplasias do trato digestório;
– Super crescimento bacteriano em intestino delgado;
– Insuficiência pancreática.

O que deve ser feito?

Para tratar, é importante identificar a causa do problema e nunca apenas ‘mascarar’ o sintoma. Mas de modo geral, é importante manter uma alimentação saudável (às vezes com exclusão de alguns alimentos, como açúcares refinados, lactose ou glúten), praticar atividades físicas e beber bastante água. Estes são hábitos simples, mas que podem modificar, claramente, a questão e garantir uma vida com mais qualidade.

Para mais informações, agende sua consulta com nossos profissionais e continue acompanhando o nosso blog. Até o próximo conteúdo.