(61) 98114-2227

(61) 3965-3333

contato@ccddf.com.br

Tire suas dúvidas sobre a constipação intestinal

Tire suas dúvidas sobre a constipação intestinal

A constipação intestinal é um problema comum, sendo a principal queixa digestiva da população, acometendo 15% das pessoas (sendo mais frequente em mulheres, maiores de 60 anos e pessoas sedentárias), mas mesmo sendo uma patologia conhecida, o problema ainda é rodeado de diversos mitos e verdades. Por isso, resolvemos criar o conteúdo para cessar as dúvidas de uma só vez. Prossiga com a leitura e saiba mais!

O que é a constipação intestinal?

O problema é caracterizado por defecações infrequentes e/ou difíceis. Pode cursar com  fezes endurecidas e sensação de que o reto não está totalmente vazio após a defecação (evacuação incompleta).

A constipação pode ser tanto aguda quanto crônica. Quando é agu

da, tende a acontecer de maneira súbita e perceptível pelo portador. Já a crônica pode ocorrer de maneira gradual e persistir durante meses . Em casos graves pode persistir por anos.

Importante ressaltar:

É extremamente comum o auto diagnóstico da constipação intestinal. Isso acontece por pessoas que não defecam todos os dias. Porém, as defecações diárias não são comuns para todos. É importante saber diferenciar o que é um problema e o que é natural do organismo da pessoa.  A constipação pode ser sintoma secundário de outras doenças crônicas como o hipotireoidismo e a Doença de Chagas, ainda muito comum no nosso meio. Na maioria dos casos ela é funcional, ou seja, esta relacionada a fatores dietéticos.

Desta forma, o auto diagnóstico não deve ser feito de maneira alguma. É indispensável buscar por um especialista para entender melhor sobre o funcionamento do intestino e do corpo como um todo.

Existem sinais de alerta?

Sim! Em alguns casos, quando a constipação apresenta certos sintomas, é fundamental buscar o médico o quanto antes, já que eles podem significar o surgimento de uma patologia mais grave.
Sendo eles:

O que deve ser levado em consideração?

– Quando as causas não são definidas, devem ser pesquisadas para que se excluam alterações estruturais e doenças orgânicas;
– Dentre as principais causas estão as alterações estruturais do intestino, bem como as doenças crônicas. Além disso, o problema pode acontecer em função das alterações na dieta e abuso de laxantes.

Esperamos que o conteúdo tenha te ajudado a entender mais sobre constipação intestinal. Para mais informações, entre em contato com os especialistas do CCD! Até o próximo conteúdo.