(61) 98114-2227

(61) 3965-3333

contato@ccddf.com.br

Entenda a importância da água no sistema digestivo

Entenda a importância da água no sistema digestivo

A água é fundamental para o bom funcionamento do organismo e, desta forma, é essencial também para garantir que o sistema digestivo funcione de maneira saudável e correta, já que ela é indispensável para a dissolução dos nutrientes dos alimentos, facilitando que sejam absorvidos pelo sangue e transportados diretamente para as células. Acompanhe o nosso conteúdo de hoje e entenda mais sobre a importância da água no sistema digestivo.
Boa leitura.

A importância da água no sistema digestivo

Como você já sabe, o nosso corpo é composto por 60% de água. Ou seja, é um grande volume e, por isso, é tão importante para o bom funcionamento do corpo.

Quando você não toma água suficiente para suprir as necessidades do organismo durante o dia, é muito comum que o seu corpo responda de maneira negativa e isso pode ser reparado facilmente pelo sistema digestivo.

Com o baixo consumo de água, as fezes podem ficar ressecadas, tornando a evacuação difícil.
Além do mais, o estômago tende a responder de maneira negativa quando o corpo não apresenta a quantidade de água necessária, causando dores e incômodos na região. Desta forma, pequenas mudanças de hábito – aumentando o consumo de água – podem resolver parte dos problemas estomacais.

Informação importante: apesar do corpo necessitar da água para garantir a boa digestão, é importante evitar ingerí-la durante as refeições. O correto é beber água antes ou após as refeições (de preferência 20 minutos antes ou 60 minutos após). Desta forma, é possível evitar a dilatação do estômago e auxiliar o processo de digestão.

Consequências do baixo consumo de água

As consequências são várias quando a pessoa não consome a quantidade de água indicada para o metabolismo dela.
Dentre as questões digestivas e intestinais está a prisão de ventre, um dos problemas digestivos mais comuns.

Durante a formação do bolo fecal, o intestino reabsorve parte da água presente nas fezes, e parte permanece nas fezes para melhorar a sua consistência. Quando a água é insuficiente neste processo, a expulsão dos resíduos é mais difícil e a pessoa pode sofre com dores abdominais e anais.
Informação importante: em função da prisão de ventre a pessoa pode apresentar as hemorróidas, causadas diretamente pelo esforço que o corpo necessita para eliminar as fezes muito secas ou sólidas.

Ou seja, beba bastante água, cuide do seu corpo e garanta mais saúde. Se restar alguma dúvida, deixe seu comentário aqui ou nas nossas redes sociais. E se o conteúdo foi útil para você, compartilhe para informar outras pessoas. Conte com o CCD. Até o próximo conteúdo.